quarta-feira, 10 de junho de 2020

Estrutura de uma aula de língua portuguesa para EaD

Toda aula precisa ser bem preparada para ser bem-sucedida e ter seus objetivos alcançados.

O que vou mostrar aqui não é um modelo padrão de todas as aulas de interpretação, mas sim o meu modelo de aula.

Seguir um padrão faz com o que o aluno entenda seu modo de ensinar e seja capaz de identificar a parte estrutural de sua aula.

Além disso, quando você segue um padrão fica mais fácil verificar se esqueceu de algum conteúdo.

Aulas não planejadas ou mal preparadas podem vir a ser não só um problema para o aprendizado do aluno, mas também para você que não conseguirá identificar e analisar onde eles costumam ter mais dificuldades.

Antes de começar a falar sobre qualquer conteúdo é preciso introduzi-lo. Comece sua aula com levantamento de questões simples. Essas questões podem ser pessoais ou não. Podem ser feitas oralmente ou de forma escrita. O importante é introduzir o assunto e não adentrar diretamente no que se quer cobrar.

Veja um exemplo:

Você sabia que antes de dar uma aula é preciso um plano?

Você costuma fazer um plano de aula antes de iniciar um conteúdo?

Essas são perguntas pessoais que poderia introduzir esse texto que você está lendo.

Depois da introdução você pode apresentar o ponto-chave da sua aula, seja ele um texto, uma imagem, um vídeo, dentre outros. Esse é o momento em que você apresenta a base da sua aula. É desse ponto que sairão boa parte das atividades que você irá preparar.

Depois que o conteúdo for apresentado, é possível fazer questões que envolvam o entendimento do texto. Comece com perguntas simples e vá aumentando a complexidade.

Depois que você terminar a parte de interpretação, inicie um assunto que link essa parte ao gênero que você que você vai trabalhar. Através de atividades você pode apresentar as características, a estrutura e a finalidade do gênero que está ensinando. Se for preciso reserve um espaço para expor um pouco mais sobre o assunto.

Após trabalhar o gênero, introduza de forma sutil a parte gramatical. Pegue exemplos do texto base, faça uma introdução usando partes do que já foi visto e implemente o conteúdo gramatical dentro de atividades com as devidas explicações.

Terminada a parte gramatical, faça um apanhado de tudo que foi dado e proponha uma produção textual sobre o gênero estudado que faça uso do conteúdo gramatical visto.

Resumindo, de acordo com o meu modelo a sua aula deverá ter a seguinte estrutura:



-Pré-texto

-Texto

-Estudo do gênero

-Apresentação de conteúdo gramatical

-Produção textual



A produção textual no final da atividade é muito importante para fixar todo o conteúdo e verificar se o objetivo de aprendizado foi alcançado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário